Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Talvez Luís Delgado tenha acertado na previsão, no programa "O novo ano político" da Sic Notícias há cerca de uma semana, que estas próximas eleições legislativas serão muito renhidas e assemelhar-se-ão às eleições americanas.

 

Visualizei logo as quadrigas a preparar-se para a linha de partida. Mas até agora, a que já se colocou lá foi precisamente a socialista, que investiu em manobras para garantir uma posição favorável e até já arranjou uma forma de subir a parada das apostas.

 

A sério!, por momentos até eu pensei que aquele cavalo bravio da quadriga socialista, que começou a relinchar e a bater com os cascos no chão, fosse um descendente do Black Beauty e que agora os genes estavam a reivindicar essa memória de amplas planícies e livres galopadas. Mas parece que foi tudo orquestrado pelo angariador de apostas e o treinador. Foi o que ouvi recentemente a um patrício romano, que um dia estas técnicas seriam ensinadas nos Liceus e chamar-lhes-iam marketing político.

 

Ah!, e não esquecer a festa de distribuição de ofertas e de brindes, tipo quermesse ao contrário! Bandeirinhas, algumas amarelo-dourado tibetano (?), a esvoaçar entre sorrisos de spot publicitário... Um dos Anciãos tropeçou no palco mas aguentou-se em pé, a palavra povo (!) surgiu no discurso, a quadriga socialista diz não ter vergonha de estar no meio do povo (percebi bem?) Para já, nunca vi esta quadriga inter-agir digamos assim com o povo. E depois, porque é que alguém havia de ter vergonha de o fazer?

 

A quadriga laranja sempre inter-agiu bem com o povo. É mesmo "tu cá tu lá"!

A quadriga azul e amarela, melhor ainda! Entendem-se perfeitamente!

A quadriga vermelha sai sempre de braço dado com o povo, são amicíssimos!

E as restantes, sempre no meio do povo, sempre na rua, sempre a inter-agir!

 

A quem se aplica então aquela palavra vergonha? Não será à quadriga rosa? Que se posicionou desde logo no palco, no púlpito, no pedestal... sempre a olhar de cima para baixo!? Bem, o povo tem-lhe respondido à letra, com apupos e assobios. Se conseguirem agora inter-agir pacificamente, se com estas festas de ofertas e de brindes o povo se deixar seduzir, bem... isso será digno de ser apreciado, no mínimo!

 

publicado às 11:47


4 comentários

Imagem de perfil

De alf a 24.09.2008 às 22:45

Magnífica a prosa e fino o espírito com que desmontas impiedosamente estes espectáculos de maus actores.

Mas olha que a companhia do povo parece estar a causar vergonha a todos excepto ao Alberto João e à «quadriga vermelha» - a MFL também não pôs os pés no pontal...

Bjs, Alf e Guida

Imagem de perfil

De Ana Gabriela A. S. Fernandes a 25.09.2008 às 14:53

Obrigada pelo estímulo a este meu atrevimento de querer perceber o que se passa à minha volta...
É verdade! A quadriga vermelha tem sido a mais companheirinha... Quanto ao estilo de Alberto João, não me parece que esteja ao nível do povo que representa.
Mas é ou não verdade que a quadriga mais elitista é mesmo a rosinha do adro?
Beijinhos, Guida e Alf!
Imagem de perfil

De alf a 25.09.2008 às 16:28

humm... será? e que dizer da rapaziada do CDS? será que a presunção elitista tem côr? Será que não ser trata apenas de uns serem melhores actores que os outros? E não será que isto é algo que ultrapassa os partidos? E o Papa?

De qualquer maneira, o certo é que os rosinhas destaparam a careca do seu discurso!
Imagem de perfil

De Ana Gabriela A. S. Fernandes a 26.09.2008 às 12:30

Auch! Com essa já me acertaram no porta-aviões! Tenham piedade!?
Beijinhos, Guida e Alfredo!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D